Porto de Santos não sente crise econômica e registra a maior movimentação mensal de cargas

O Porto de Santos registrou a maior movimentação mensal de cargas da história em abril deste ano. O cais santista contabilizou 13,4 milhões de toneladas de cargas movimentadas, número que supera em 5% o recorde anterior (12,8 milhões de toneladas), em outubro de 2019. Os dados foram divulgados pela Gerência de Tarifas e Estatísticas da Santos Port Authority (SPA).

De acordo com o levantamento, houve um aumento em 26,8% na movimentação de cargas em relação ao mesmo mês de 2019. Neste ano, o Porto de Santos já movimentou 45 milhões de toneladas, obtendo um avanço de 9,8% na base anual.

Os embarques pelo Porto de Santos em abril atingiram 9,7 milhões de toneladas, o que representa uma alta de 32,6%. O destaque foi a soja em grãos, que teve recorde de 4,6 milhões de toneladas, número 68% acima do resultado de abril de 2019. Nos desembarques, em abril deste ano, foram 3,72 milhões de toneladas, o que representa um avanço de 13,8% em relação ao mesmo mês do ano passado.

A operação de contêineres também cresceu. Em abril, apresentou alta de 8,6% e, no acumulado do ano, o crescimento foi de 13,6% em relação ao mesmo período de 2019 (de janeiro a abril). As atracações de navios no Porto de Santos no mês de abril somaram 420, crescimento de 9,7% em relação ao mesmo mês de 2019. No ano, foram 30 atracações a mais, resultado 1,9% maior.

Segundo o presidente da SPA, Fernando Biral, os números revelam que o Porto de Santos ainda não foi afetado pela crise , mas a previsão é o cenário mude por conta da pandemia do novo coronavírus. “De toda forma, os bons resultados nestes primeiros meses tendem a compensar desempenhos menos positivos até o fim do ano”, afirmou o presidente em nota divulgada pela SPA.

Fonte: G1 – Santos e Região